Souto de Moura tem uma exposição em Matosinhos — e 12 igers foram lá antes de nós

“Uma palavra para a minha família”, diz Souto de Moura, a meio do discurso. “Aos meus irmãos que estão aqui, que vão tentando corrigir os meus excessos. À minha mulher com quem vivo há 40 anos (e só isto quer dizer muito). (…) Às minhas filhas maravilhosas. Aos meus netos — o mais pequeno não está cá, mas à Zezinha que às quartas-feiras vem jantar a minha casa e me recebe quando eu subo as escadas, normalmente atrasado para o jantar, abre os braços e diz: ‘Mon amour‘.”

Ao ouvir estas palavras, a neta correu para o avô e abraçou-o. O ternurento momento aconteceu na noite de 18 de Outubro, durante o jantar de inauguração da exposição Souto de Moura – Memória, Projecto, Obras, em Matosinhos. E foi eternizado por Alexandre Urch, @aurch no Instagram, um dos convidados para o instameet Into.The.Sea, organizado por João Bernardino (@joao.bernardino), Rui Barbosa Baptista (@_bornfreee_) e Luís Octávio Costa (@kitato), jornalista do PÚBLICO.

Horas antes, os 12 instagramers, tanto portugueses como estrangeiros, puderam deambular pela exposição, ainda sem gente, ainda prestes a abrir as portas. Mostram o que viram e o que todos podem ver até 18 de Outubro de 2020, na Casa da Arquitectura: uma singular viagem pelo acervo que o Pritzker de 2011 depositou recentemente em Matosinhos.

Fontes: publico

Publicações Relacionadas

Deixe um comentário