Portugal quer investir €2500 milhões na indústria espacial até 2030

Presidência do Conselho Ministerial da Agência Espacial Europeia, que está reunido em Sevilha, vai ser assumida por Portugal e França durante três anos

Criar mil empregos qualificados nos próximos dez anos, em especial nas áreas da observação da Terra, telecomunicações e desenvolvimento de pequenos satélites, e aumentar a faturação anual do sector dos atuais 40 a 50 milhões de euros anuais para 500 milhões em 2030, metade financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT) e a outra metade pela Agência Espacial Europeia (ESA), são as metas do “Portugal Space 2030”.

A estratégia portuguesa para o Espaço (ver gráficos) foi apresentada nesta quarta-feira em Sevilha pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, na “Space 19+”, a conferência ministerial da ESA. E Portugal quer investir 2500 milhões de euros no sector ao longo da próxima década, com 50% deste montante assegurado pelas empresas privadas.

Fontes: Expresso

Publicações Relacionadas

Deixe um comentário